NOTÍCIAS

09 DE ABRIL

Goleiro Poker é sucesso no futebol Húngaro

Goleiro Poker é sucesso no futebol Húngaro

Felipe Ventura está na Hungria há 10 meses e se destaca no maior campeonato de futebol do país.

Felipe começou a jogar futebol aos 7 anos, em um clube onde morava em Salvador, Bahia. Seu desejo inicial era a linha, mas, com a falta de um goleiro, os amigos o forçaram a ir para o gol. Ele ganhou destaque não somente pela altura, mas também por sua desenvoltura. Gostou, levou a sério e segue até hoje defendendo as metas pelo mundo afora.

O carioca de 35 anos mudou-se para a Hungria em junho de 2018, deixando saudades para os pais e a noiva, Débora Oliveira, que o visita a cada 40 dias. Desde que iniciou no time Kisvárda, vem ganhando notoriedade no pais. Mesmo o time brigando para não cair na segunda divisão, Felipe está sendo considerado o melhor goleiro do campeonato. O atleta conta, em entrevista exclusiva para a Poker, que enfrentou frio de -18°C sempre acompanhado pela Deep 8, sua luva preferida: “as luvas se portaram muito bem às temperaturas negativas! Em dezembro, jogamos três jogos com muita neve e não sofremos nenhum gol!”

Questionado sobre a diferença entre o futebol brasileiro e húngaro, comenta que “eles priorizam muito mais a parte tática do que técnica no futebol! Envolve muita dedicação, treinos intensos e um bom planejamento do atleta”, conclui.

Felipe foi revelado pelas categorias de base do Vitória e passou por clubes como Bragantino, Boa Vista/RJ, Figueirense, Flamengo, Uberlândia/MG e Corinthians. O jovem foi capa da Revista Placar em 2007 pelo Corinthians e 2011 pelo Flamengo, evidenciando as luvas Poker (foto)! Felipe está entre os primeiros goleiros que acreditaram na marca para as defesas do futebol brasileiro e, assim como nós, espera que a parceria se mantenha por muito mais tempo!

Fotos: Arquivo - Felipe Ventura.

COMPARTILHE

VOLTAR